Solstício de inverno

Levanto-me cedo, numa tentativa de me integrar no mundo e não ficar sozinha abro o email. Percorro a caixa de correio, leio uns, apago outros e encontro uma mensagem da Allie sobre o solstício de inverno. Faço a minha leitura e decido ouvir a meditação que ela sugere. Levanto os estores interiores da janela, o sol entra na sala, tanta luz. Sento-me no chão, começo a ouvir a meditação e sinto o calor do sol a preencher o meu corpo.

A voz da Alie é quente e suave, preenche-me a alma. Ente respirações, tento absorver o que ela diz. Aceitação do meu lado sombra. Sigo o mantra “I am both dark and light” que traduzo para “Eu sou, ao mesmo tempo, sombra e luz”. Deixo-me ficar a ouvi-la e a repetir mentalmente o mantra. O corpo começa a queixar-se de estar sentada no chão, percebo como a meditação me tem feito falta. É difícil manter aquilo que nos faz bem.

Vários pensamentos me vêm à cabeça acerca do meu lado sombra. Aceitar que tenho um lado sombra ao mesmo tempo que tenho uma lado luz traz-me à memoria situações bem recentes. Compreendo os meus comportamentos e não me critico, nem me julgo. O lado sombra existe em mim, faz parte, também sou essa. Ainda caio muitas vezes naquilo que aceitei mudar, naquela que já não quero ser. Caio e vou cair o número de vezes que for necessário, mas hoje sorrio e abraço esta que é o meu lado mais negro.

A meditação acaba e há uma paz que se instala cá dentro. As vozes das diferentes Guidas que existem estão em silêncio. Olho para os restantes emails e já não me apetece vê-los, já não sinto falta de me ligar com os outros, pelo menos por agora. Vou até à cozinha, organizo algumas coisas para o almoço, faço o pequeno-almoço e sento-me no sofá a degustar o que preparei. É domingo, que bom desfrutar desta manhã.

Nunca o silêncio me fez tanto sentido. O sol bate no meu corpo, ele aquece e sente-se preenchido por esta que sou eu. Que sorte que tenho em estar aqui, em usufruir do sol, do seu calor, do conforto da casa e das roupas quentes. Sorrio por fora e por dentro, sou uma mulher rica! Agradeço à Andreia por ontem me relembrar esta riqueza que existe dentro de cada um de nós.

O solstício de inverno ocorrerá no dia 21 deste mês, este momento marca o início do inverno no Hemisfério Norte. O email da Allie e esta meditação trouxe a minha atenção para as últimas semanas de 2017 e para algumas questões a refletir durante este período. O solstício é uma altura de transição. É uma oportunidade de refletir sobre o que já passou e deixar sementes para o que vem aí.

Olhar para o meu lado sombra, o meu lado mais denso e negro, ajuda-me a libertar uma Guida que já não existe, que ainda quer resistir e tenta prevalecer em certas situações, mas que já não tem a força que tinha. Uma Guida que está a morrer, uma maneira de ser que já não quero mais, porque não me faz sentido.

Render-me ao meu lado sombra significa olhar para ele, ver que ele existe, aceitá-lo e deixá-lo ir. Só me posso libertar de algo que aceito que existe. Registo algumas perguntas que li no blog da Allie e que me vão ajudar a refletir. Ainda tenho 15 dias antes de entrar num novo ano. Se for o vosso caso também, boas reflexões!

3 thoughts on “Solstício de inverno

Add yours

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: